CAFÉ LONDON CITY – Parte II: Literatura na veia. O Bar favorito de Julio Cortazar

Localizado no cruzamento de duas das artérias mais famosas da cidade; A Avenida de Mayo e Flórida, vizinha ao belo Edifício La Prensa e a poucos passos da Plaza de Mayo, é parada obrigatória para todos os portenhos e turistas que passam pelo centro de portenho.

Declarado um café notável em Buenos Aires em 2000, este bar foi um refúgio de poetas, artistas como Julio Cortazar, onde escreveu um de seus romances mais famoso, intitulado Los premios (1960). Continue lendo “CAFÉ LONDON CITY – Parte II: Literatura na veia. O Bar favorito de Julio Cortazar”

CAFÉ LONDON CITY – Parte I: Desde 1954, a clássica confeitaria esta instalada no inicio da Rua Florida

“London City” foi declarado um café notável em Buenos Aires em 2000. Este bar foi um refúgio de poetas, artistas como Julio Cortazar, onde escreveu um de seus romances mais famoso, intitulado Los premios (1960).

Localizado no cruzamento de duas das artérias mais famosas da cidade; A Avenida de Mayo e Flórida, vizinha ao belo Edifício La Prensa e a poucos passos da Plaza de Mayo, é parada obrigatória para todos os portenhos e turistas que passam pelo centro de portenho. Continue lendo “CAFÉ LONDON CITY – Parte I: Desde 1954, a clássica confeitaria esta instalada no inicio da Rua Florida”

IGREJA de SAN CRISTOBAL – PARTE I: A grande imigração europeia e a criação de novos bairros na cidade de Buenos Aires

Historicamente o bairro de San Cristóbal caracterizou-se por ser um local onde muitas famílias tradicionais da sociedade portenha tinham suas fazendas. Havia também grandes terras para o cultivo de vegetais e alfafa, algumas delas com extensas hortas.

A chegada massiva de imigrantes ampliou os antigos limites da colônia, transformando a região metropolitana em residência das classes trabalhadoras. Por sua vez, a expansão dos meios de transporte, como ferrovias e tranvias, permitiu que as classes trabalhadoras acessassem os subúrbios e ali adquirissem terrenos ou casas a preços mais baratos do que no centro da cidade.

O bairro surgiu a partir da construção da Igreja de San Cristóbal e do Mercado de San Cristóbal, sendo este o primeiro mercado da cidade de Buenos Aires, ainda hoje em funcionamento. Continue lendo “IGREJA de SAN CRISTOBAL – PARTE I: A grande imigração europeia e a criação de novos bairros na cidade de Buenos Aires”

BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo

Inaugurado em 1894 “Los 36 Billares” é um dos bares mais tradicionais de Buenos Aires e um dos centros mais importantes para jogar sinuca. Foi inaugurada logo após o término da inauguração da Avenida de Mayo, ponto de encontro obrigatório de personagens da cultura e da arte das primeiras décadas do século XX. Os arquitetos Colmegna e Tiphaine foram os autores da obra que respondeu ao gosto requintado do final do século com a forte influência da comunidade hispânica.

Hoje o clássico e lendário bar “Los 36 Billares” na Avenida de Mayo é visitado por muitos curiosos por ser um dos pontos turísticos mais importantes da Cidade de Buenos Aires. Continue lendo “BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo”

Basílica Nossa Senhora do Pilar – Parte III: O Templo e o Convento

Centro_Cultural_recoletos_Franciscanos_Altar_Reliquias_Capilla_Cemitério

Em 1715, os frades recoletos descalços começaram a construção da igreja e do convento no que é hoje o bairro de Recoleta, em Buenos Aires. Inaugurada em 12 de outubro de 1732, a basílica Nuestra Señora del Pilar é o segundo templo mais antigo da cidade de Buenos Aires e o que melhor preserva o estilo colonial barroco original.

Construída pelos jesuítas, a Basílica Nuestra Señora del Pilar conserva altares, imagens e ornamentos originais. A igreja é um relicário de obras de arte, entre as quais destacam-se os Altares Laterais da Virgem do Carmo e do Cristo da Paciência e Humildade e uma escultura de San Pedro de Alcántara atribuída a Alonso Cano.

O visitante também tem a oportunidade de visitar um pequeno museu, onde antes ficavam os claustros dos frades recoletos. Fechados por quase três séculos, as galerias, praticamente intactas, foram abertas ao público em 1997, como um museu de arte. Continue lendo “Basílica Nossa Senhora do Pilar – Parte III: O Templo e o Convento”

Basílica Nossa Senhora do Pilar – Parte II: O segundo templo mais antigo da cidade de Buenos Aires

Centro_Cultural_recoletos_Franciscanos_Ombúes_Virgem_Cemitério

Localizada junto ao cemitério, a Igreja do Pilar é a segunda mais antiga da cidade. Sua história começou em 1708, quando foi construída como igreja e convento para receber os frades “Recoletos” da Ordem Franciscana, que vieram da Espanha.

E foi assim que surgiu o nome do bairro: Recoleta.

Também conheceremos as histórias de Juan de Narbona e Torcuato de Alvear, as duas pessoas que mais fizeram para transformar o bairro da Recoleta em um dos mais distinguidos e aristocráticos da cidade de Buenos Aires.

Continue lendo “Basílica Nossa Senhora do Pilar – Parte II: O segundo templo mais antigo da cidade de Buenos Aires”