IGREJA NUESTRA SEÑORA de BUENOS AIRES – PARTE II: A nova igreja da Ordem dos Mercedários no bairro de Caballito

Este belo exemplar do estilo neogótico-lombardo destaca-se não só por suas grandes proporções, mas também pela beleza da decoração interior do templo.

Neste post veremos como a Ordem da Misericórdia sofreu as consequências da Lei da Reforma do Clero (1822), que levou ao quase extermínio das ordens religiosas em Buenos Aires. Graças à Sra. Celina Bustamante de Belíritutegui, que doou um grande terreno em 1893, os padres mercedários construíram sua nova igreja no bairro de Caballito: Iglesia Nuestra Señora de Buenos Aires, proclamada basílica pelo Papa Pio XI, em 10 de fevereiro de 1936. Continue lendo “IGREJA NUESTRA SEÑORA de BUENOS AIRES – PARTE II: A nova igreja da Ordem dos Mercedários no bairro de Caballito”

IGREJA NUESTRA SEÑORA de BUENOS AIRES – PARTE II: A nova igreja da Ordem dos Mercedários no bairro de Caballito

Este belo exemplar do estilo neogótico-lombardo destaca-se não só por suas grandes proporções, mas também pela beleza da decoração interior do templo.

Neste post veremos como a Ordem da Misericórdia sofreu as consequências da Lei da Reforma do Clero (1822), que levou ao quase extermínio das ordens religiosas em Buenos Aires. Graças à Sra. Celina Bustamante de Belíritutegui, que doou um grande terreno em 1893, os padres mercedários construíram sua nova igreja no bairro de Caballito: Iglesia Nuestra Señora de Buenos Aires, proclamada basílica pelo Papa Pio XI, em 10 de fevereiro de 1936. Continue lendo “IGREJA NUESTRA SEÑORA de BUENOS AIRES – PARTE II: A nova igreja da Ordem dos Mercedários no bairro de Caballito”

BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo

Inaugurado em 1894 “Los 36 Billares” é um dos bares mais tradicionais de Buenos Aires e um dos centros mais importantes para jogar sinuca. Foi inaugurada logo após o término da inauguração da Avenida de Mayo, ponto de encontro obrigatório de personagens da cultura e da arte das primeiras décadas do século XX. Os arquitetos Colmegna e Tiphaine foram os autores da obra que respondeu ao gosto requintado do final do século com a forte influência da comunidade hispânica.

Hoje o clássico e lendário bar “Los 36 Billares” na Avenida de Mayo é visitado por muitos curiosos por ser um dos pontos turísticos mais importantes da Cidade de Buenos Aires. Continue lendo “BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo”

Igreja San José de Calasanz – Parte II: O Interior do Templo

A história desta igreja começa em 1900 quando os Padres Escapulários viram a construção de seu colégio concluída sob risco do arquiteto Juan Antônio Buschiazzo. Ele chegou da Itália aos quatro anos de idade, formou-se engenheiro e arquiteto desempenhando com excelência sua função de Diretor do Gabinete dos Engenheiros Municipais da Prefeitura justamente no momento em que Buenos Aires (recentemente declarada capital oficial da República Argentina) enfrentava um processo de remodelação inédito, onde a antiga imagem colonial deu lugar à qualificação do tecido urbano com o traçado de avenidas e parques, paralelepípedos, pontes e a construção do primeiro .

A família aristocrática Ortiz Basualdo foi a principal benfeitora que permitiu a construção do templo. O estilo românico-bizantino com influências lombardas escolhidas por Buschiazzo e o fino interior com o seu Altar-mor em mármore carrara e grandes vitrais, todos trazidos da Europa, conferem à Igreja de San José de Calasanz um local digno de visitar. Continue lendo “Igreja San José de Calasanz – Parte II: O Interior do Templo”

Basílica Santa Rosa Lima – Parte II: O Interior do Templo

No bairro de Balvanera, a Basílica de Santa Rosa de Lima é uma das muitas jóias arquitetônicas da arte bizantina para conhecer e admirar na cidade de Buenos Aires.

A basílica de estilo românico-bizantino foi feita com base ao projeto do arquiteto Alejandro Christophersen. Enquanto a ornamentação,  o contraste entre o exterior pobre e o interior ricamente decorado é uma característica da arquitetura bizantina. Porem, a presença de outros estilos, tanto na fachada como no interior, enquadram esta obra dentro do movimento  “neo-românico eclético”.

Bora .. chegou a hora de conhecer o interior do templo. Continue lendo “Basílica Santa Rosa Lima – Parte II: O Interior do Templo”