CAFÉ LONDON CITY – Parte II: Literatura na veia. O Bar favorito de Julio Cortazar

Localizado no cruzamento de duas das artérias mais famosas da cidade; A Avenida de Mayo e Flórida, vizinha ao belo Edifício La Prensa e a poucos passos da Plaza de Mayo, é parada obrigatória para todos os portenhos e turistas que passam pelo centro de portenho.

Declarado um café notável em Buenos Aires em 2000, este bar foi um refúgio de poetas, artistas como Julio Cortazar, onde escreveu um de seus romances mais famoso, intitulado Los premios (1960). Continue lendo “CAFÉ LONDON CITY – Parte II: Literatura na veia. O Bar favorito de Julio Cortazar”

DOME ROOF TOP BAR: Entre as cúpulas da Avenida de Mayo o maravilhoso Hotel Boutique Tango de Mayo oferece seu magnifico terraço

Num edifício histórico renovado, que foi construído em 1913 e que albergava a emblemática fábrica de máquinas de costura Singer, funciona agora um boutique hotel que fascina até nos mínimos detalhes.

Na tradicional Avenida de Mayo, no bairro de Monserrat, a poucos metros da Casa Rosada, do Cabildo, do Obelisco, do Teatro Colón e da Avenida Corrientes, destaca-se este edifício de estilo parisiense do século XIX.

Além disso, no andar térreo e com acesso ao público em geral, o restaurante Zorzal funciona para desfrutar dos sabores da culinária argentina com toques mediterrâneos. E como toque final, é possível contemplar a vista imponente da cidade a partir do Rooftop Bar localizado no terraço do hotel. Continue lendo “DOME ROOF TOP BAR: Entre as cúpulas da Avenida de Mayo o maravilhoso Hotel Boutique Tango de Mayo oferece seu magnifico terraço”

PASSEIO LA PLAZA – Parte I: A Rua Coorientes … A rua que nunca dorme

Por sua vida noturna a Avenida Corrientes se tornou uma verdadeira “Broadway latino-americana” e é conhecida como “a rua que nunca dorme”, isso  porque há uma grande concentração de livrarias, teatros, pizzarias e bares, alguns considerados “Notáveis”, teatros e cabarés onde tocaram os grandes músicos da primeira metade do século XX.

No bairro Microcentro, já bem próximo ao Obelisco, cercado pelas inúmeras salas de teatro e livrarias da rua Corrientes, o Paseo La Plaza é um simpático e agradável centro cultural e comercial, destacando-se por sua grande variedade de estilos e propostas.

Continue lendo “PASSEIO LA PLAZA – Parte I: A Rua Coorientes … A rua que nunca dorme”

CAFÉ LONDON CITY – Parte I: Desde 1954, a clássica confeitaria esta instalada no inicio da Rua Florida

“London City” foi declarado um café notável em Buenos Aires em 2000. Este bar foi um refúgio de poetas, artistas como Julio Cortazar, onde escreveu um de seus romances mais famoso, intitulado Los premios (1960).

Localizado no cruzamento de duas das artérias mais famosas da cidade; A Avenida de Mayo e Flórida, vizinha ao belo Edifício La Prensa e a poucos passos da Plaza de Mayo, é parada obrigatória para todos os portenhos e turistas que passam pelo centro de portenho. Continue lendo “CAFÉ LONDON CITY – Parte I: Desde 1954, a clássica confeitaria esta instalada no inicio da Rua Florida”

BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo

Inaugurado em 1894 “Los 36 Billares” é um dos bares mais tradicionais de Buenos Aires e um dos centros mais importantes para jogar sinuca. Foi inaugurada logo após o término da inauguração da Avenida de Mayo, ponto de encontro obrigatório de personagens da cultura e da arte das primeiras décadas do século XX. Os arquitetos Colmegna e Tiphaine foram os autores da obra que respondeu ao gosto requintado do final do século com a forte influência da comunidade hispânica.

Hoje o clássico e lendário bar “Los 36 Billares” na Avenida de Mayo é visitado por muitos curiosos por ser um dos pontos turísticos mais importantes da Cidade de Buenos Aires. Continue lendo “BAR NOTAVEL “LOS 36 BILLARES”: Um dos bares mais tradicionais da Avenida de Mayo”

Café Tortoni: O Bar Notable mais lindo da Av. de Mayo

Este bar não só pertence ao seleto grupo de “Bares Notáveis”, trata-se do bar mais antigo da cidade de Buenos Aires.

O Café Tortoni, o mais antigo e um dos emblemas da cidade de Buenos Aires, onde passaram presidentes, reis, escritores e artistas como Juan Domingo Perón, Marcelo Torcuato de Alvear, Carlos Gardel e Jorge Luis Borges, tem mais de 160 anos de histórica na Av. de Mayo.

Um grande salão com forros de madeira, pilastras neoclássicas, mesas de mármore, vitrais e lustres antigos adornando o teto dão vida a um dos endereços mais antigos e conhecidos da América Latina.  Continue lendo “Café Tortoni: O Bar Notable mais lindo da Av. de Mayo”

Café Tortoni: Show de Tango no bar mais antigo de Buenos Aires

Fundado em 1858, o Café Tortoni é parada obrigatória em Buenos Aires. Por um lado é o “Bar Notable” mais antigo da cidade. Por outra parte o emblemático Café Tortoni forma parte do Palacio Carlos Gardel no mesmo edifício onde, no primeiro andar, funciona desde 1993 a sede da Academia Nacional de Tango, e acolhe o único Museu do Tango da cidade.

Por tanto se você for um experto viajante poderia considerar  em pegar umas aulas de Dança de Tango em um dos três salões  disponíveis no primeiro andar, e logo depois combinar um jantar com show ao vivo em um ambiente muito intimista e aconchegante na Sala Alfonsina Storni.

O Café Tortoni sempre tem uma agenda muito activa e dinámica, o local esta sempre cheio. É bom reservar com uma pequena antecedência, se ficar para última hora, você pode pegar uma mesa mais distante do palco. Continue lendo “Café Tortoni: Show de Tango no bar mais antigo de Buenos Aires”

Museu e Academia Nacional do Tango, Buenos Aires, Argentina

Avenida de Maio_Café Tortoni_ Carlos Gardel_Palacio_Arquitetura_Mundial_lunfardo_Patrimônio_Cultural

O museu cobre uma ampla área do Palácio Carlos Gardel, onde funciona desde 1993 a sede da Academia Nacional de Tango, no mesmo edifício onde funciona o emblemático Café Tortoni, o bar mais antigo da cidade de Buenos Aires.

O Museu do Tango faz um tour pela história do tango desde 1850 até o presente através de uma série de vitrines que são pouco atraentes e confusas quando se refere a  sua expografía. O edifício é um velho casarão, com três salões de dança, tetos ornamentados e lustres antigos; no entanto, o museu não está integrado ao espaço, é necessário fazer um projeto que descreva e guie os visitantes de maneira clara e atraente, acerca da origem e evolução do tango.

Por outra parte, dizem que a Avenida de Maio foi projetada pelos franceses, construída pelos italianos e onde finalmente moravam os espanhóis. Talvez a maneira mais certa de descrever a europeização da cidade no final do século XIX. Veremos como este fenômeno afetou as cidades de Rio de Janeiro e Buenos Aires, para descobrir finalmente que entre a historia do Tango e a historia do Samba, existem muitas coincidências para destacar. Continue lendo “Museu e Academia Nacional do Tango, Buenos Aires, Argentina”