Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte II: Restauração dos elementos Artísticos e Integrados

Uma das igrejas mais representativas do conjunto histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias esta sendo restaurada. Passei por ali para registrar os trabalhos e técnicas de restauração do interior, conformado por um grupo de artistas/restauradores trabalhando in situ no embelezamento de esta antiga Matriz.

Bora, pois bem … estam todos convidados a revisar os trabalhos de restauração de esta magnífica Matriz de Ouro Preto, construída pelos mestres Manuel Francisco Lisboa (pai) e Aleijadinho (filho), símbolos do barroco mineiro. Continue lendo “Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte II: Restauração dos elementos Artísticos e Integrados”

Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte III: O Arraial de Antônio Dias e as Ruinas do Palácio Velho

Caminhei pelas ruas do bairro Antônio Dias  onde fica uma das igrejas mais representativas do conjunto histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, cujo interior esta sendo restaurado atualmente.

Antônio Dias é um bairro cheio pontes, chafarizes e sobrados ehistorias, que se remonta a sua ancestral rivalidade com a irmandade da Matriz do Pilar, do outro lado da montanha.

Mas minha curiosidade me levou a perguntar:  porque … ANTONIO DIAS?

Pois bem, no inicio do post teremos uma breve visão de como foram os origens da cidade, bem longe do que hoje se conhece como a trama urbana unificada de Ouro Preto, já que os primeiros assentamentos do sítio de Vila Rica ocorreram nas margens dos dois principais arraiais que deram origem a cidade: Antônio Dias e Pilar de Ouro Preto.

Bora conhecer algumas historias do bairro Antônio Dias.
Continue lendo “Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte III: O Arraial de Antônio Dias e as Ruinas do Palácio Velho”

Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte I: A primeira igreja de Vila Rica

A Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias está entre os mais belos exemplares barrocos da cidade de Ouro Preto. Ela merece destaque por ser das maiores em tamanho e suntuosidade, senão também pela presença do túmulo de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho e seu pai Manuel Francisco Lisboa.

A Matriz é uma das mais antigas da cidade, com data de 1707. Já a construção da igreja definitiva aconteceu entre 1727. O rico interior original passa por longo processo de restauração, enquanto a fachada sofreu interferências no século XIX e não é mais a original.  Continue lendo “Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte I: A primeira igreja de Vila Rica”

DIAMANTINA (MG): Igreja São Francisco de Assis – Parte I: A Construção do Templo

A história da construção desta igreja começa no ano de 1766, com a implantação da Venerável Ordem Terceira de São Francisco de Assis no então arraial do Tijuco (antiga sede do Distrito Diamantino).

A construção desta belíssima igreja apresenta sua estrutura em madeira, com suas paredes feitas em adobe. A fachada principal desta igreja é ladeada por uma única torre, a única com relógio em toda Diamantina.

A igreja se destaca também por ser o local onde descansam os restos mortais de Chica da Silva. Continue lendo “DIAMANTINA (MG): Igreja São Francisco de Assis – Parte I: A Construção do Templo”

Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte I: O velho bairro de Padre Faria foi refugio da espiritualidade negra

Estrada real Iluminação arquitetura barroco Nossa Senhora do Rosário Aleijadinho Brasil Unesco Patrimônio Mundial

Conhecida como Igreja de Santa Efigênia dos Pretos, ou ainda de Igreja de Nossa Senhora do Rosário do Alto da Cruz faz parte do conjunto arquitetônico barroco de Ouro Preto na parte mais antiga do velho bairro do Padre Faria. Fica situada no topo de uma colina e acessível por ladeira íngreme, abrangendo uma larga visão sobre a cidade. Continue lendo “Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte I: O velho bairro de Padre Faria foi refugio da espiritualidade negra”