Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte IV: A lenda do famoso “Chico Rei”

Mas também a historia da igreja de Santa Efigênia  esta ligada á lenda do famoso “Chico Rei”, que conheceremos neste post ao mesmo tempo que percorremos o interior do templo.  A lenda conta que foi construída com o ouro extraído da Mina Encardideira do Chico Rei, escravo que foi trazido do Congo, África, e que conquistou a sua liberdade com o trabalho e comprou a mina. Continue lendo “Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte IV: A lenda do famoso “Chico Rei””

Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte III: Encontro Ibero-americano de Lighting Design

Iluminação arquitetura luxamérica prêmio

A 4ta edição do Encontro Ibero-americano de Lighting Design – EILD aconteceu na cidade de Ouro Preto no ano 2016. Neste post vamos rever os projetos de iluminação ganhadores que como em todas as oportunidades este evento, os seus concursos caracterizam-se por premissas de intervenção urbana que finalmente ficam nas mãos da prefeitura local. Continue lendo “Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte III: Encontro Ibero-americano de Lighting Design”

Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte II: O Interior do Templo

A igreja pertence a Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos da Freguesia de Antônio Dias. Segundo a tradição, existiu no local anteriormente uma ermida dedicada a Santa Efigênia, razão pela qual a atual igreja conserva as duas denominações.

A igreja demorou seis décadas para ser concluída e contou com o trabalho de diversos artistas, entre eles se destacam Manuel Francisco Lisboa (pai de Aleijadinho) e Francisco Xavier de Brito. No interior da igreja, chama a atenção o belo trabalho no altar e também a imagem de um papa negro pintado no forro, junto a outros elemento da cultura afro.

Continue lendo “Igreja Santa Efigênia dos Pretos, Ouro Preto (MG) – Parte II: O Interior do Templo”

OURO PRETO (MG): Nossa Senhora das Mercês dos Perdões – Parte II: A Mercês de Baixo e interior do Templo

Mercês de baixo_Nossa Senhora das Merces_Estrada Real_Brasil_Minas_Gerais_Unesco_Patrimonio_Humanidade

O templo está localizado no alto de uma colina, desde seu adro é possível aceder a um espetacular mirante com vista para a parte velha de Ouro Preto.

A igreja de Nossa Senhora das Mercês dos Perdões que se localizava numa região geográfica abaixo da outra irmandade de Mercês, ficando conhecida também como “Mercês de baixo” e a outra como “Mercês de cima” ou “Mercês e Misericórdia”.

O risco altar-mor, foi encomendado ao mestre Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho que também teria executado as imagens de roca de São Pedro Nolasco e São Raimundo Nonato, hoje nos nichos laterais do altar-mor. Continue lendo “OURO PRETO (MG): Nossa Senhora das Mercês dos Perdões – Parte II: A Mercês de Baixo e interior do Templo”

OURO PRETO (MG): Igreja N S das Mercês e Perdões – Parte I: A Mercês de Baixo

Mercês de baixo_Nossa Senhora das Merces_Estrada Real_Brasil_Minas_Gerais_Unesco_Patrimonio_Humanidade

Esta igreja foi erguida a partir da primitiva Capela chamada Bom Jesus dos Perdões (Cristo Crucificado) edificada pelo padre José Fernandes Leite, que ele mesmo  doou em 1760 à Irmandade de Nossa Senhora das Mercês. Da justaposição abreviada das duas devoções deriva a singular denominação de Nossa Senhora das Mercês e Perdões, pela qual a igreja é conhecida popularmente.

A igreja localizava-se numa região geográfica abaixo da outra irmandade de Mercês, ficando conhecida também como “Mercês de baixo” e a outra como “Mercês de cima” ou “Mercês e Misericórdia”. Continue lendo “OURO PRETO (MG): Igreja N S das Mercês e Perdões – Parte I: A Mercês de Baixo”

Porque Ouro Preto tem duas Igrejas das Mercês? … a Mercês de Baixo e a Mercês de Cima

Mercês de baixo_Nossa Senhora das Merces_Estrada Real_Brasil_Minas_Gerais_Unesco_Patrimonio_Humanidade_Matriz Antonio Dias

Em Ouro Preto a devoção a Nossa Senhora das Mercês existem duas igrejas onde ela é a padroeira.  Os nativos diferenciam de modo peculiar, baseados na topografia da montanhosa cidade: uma é a “Mercês de baixo” (cujo nome correto é Nossa Senhora das Mercês e Perdões), situada nas baixadas do bairro dos Paulistas, a caminho da Nossa Senhora da Conceição de Antonio Dias, e a outra é a “Mercês de cima” (situada acima da cidade e bem próxima do Hospital da Irmandade da Misericórdia). Continue lendo “Porque Ouro Preto tem duas Igrejas das Mercês? … a Mercês de Baixo e a Mercês de Cima”

OURO PRETO (MG): Igreja Nossa Senhora do Rosário – Parte II: O interior do templo e sua imaginaria

ESTRADA REAL_Minas gerais_Brasil_Patrimônio_Vila Rica_Arquitetura_Barroco_Mineiro_IPHAN_Caquende_Unesco

A Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos funcionou inicialmente na Matriz de Nossa Senhora do Pilar ate adquirir capela própria perto no Bairro do Caquende. A relação entre elas compreende por ocasião também da procissão conhecida como “Triunfo Eucarístico”, em que se procedeu o retorno da imagem do Santíssimo Sacramento da primitiva capela do Rosário, onde permaneceu durante obras de construção e reforma na Matriz do Pilar no início da década de 1730.

Mas desta vez, minha aproximação a Igreja do Rosario é diferente. Partindo da Matriz do Pilar, atravessando a Ponte Seca, em íngreme pendente acima, lá aparece ela no alto, considerada pelos especialistas como a expressão máxima do barroco colonial mineiro com sua planta composta pela intersecção de duas elispses, rara na história da Arquitetura brasileira. Continue lendo “OURO PRETO (MG): Igreja Nossa Senhora do Rosário – Parte II: O interior do templo e sua imaginaria”

OURO PRETO (MG): Igreja Nossa Senhora do Rosário – Parte I: Soltando o Drone

Rica_Arquitetura_Barroco_Mineiro_IPHAN_Caquende_Unesco_Exterior

Atravessando a ponte dos Contos, uma estreita rua se contorna entre magníficos sobrados de dos y três andares chegando assim mais uma vez ate a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, em Ouro Preto. É a tercera vez que visito ela, assim que já tirei foto dela para caramba.

Desta vez una nova aquisição me provê a emoção de uma nova aventura …  Testar meu novo Drone!!! Continue lendo “OURO PRETO (MG): Igreja Nossa Senhora do Rosário – Parte I: Soltando o Drone”

Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte II: Restauração dos elementos Artísticos e Integrados

Uma das igrejas mais representativas do conjunto histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias esta sendo restaurada. Passei por ali para registrar os trabalhos e técnicas de restauração do interior, conformado por um grupo de artistas/restauradores trabalhando in situ no embelezamento de esta antiga Matriz.

Bora, pois bem … estam todos convidados a revisar os trabalhos de restauração de esta magnífica Matriz de Ouro Preto, construída pelos mestres Manuel Francisco Lisboa (pai) e Aleijadinho (filho), símbolos do barroco mineiro. Continue lendo “Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte II: Restauração dos elementos Artísticos e Integrados”

Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte III: O Arraial de Antônio Dias e as Ruinas do Palácio Velho

Caminhei pelas ruas do bairro Antônio Dias  onde fica uma das igrejas mais representativas do conjunto histórico de Ouro Preto, em Minas Gerais, a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, cujo interior esta sendo restaurado atualmente.

Antônio Dias é um bairro cheio pontes, chafarizes e sobrados ehistorias, que se remonta a sua ancestral rivalidade com a irmandade da Matriz do Pilar, do outro lado da montanha.

Mas minha curiosidade me levou a perguntar:  porque … ANTONIO DIAS?

Pois bem, no inicio do post teremos uma breve visão de como foram os origens da cidade, bem longe do que hoje se conhece como a trama urbana unificada de Ouro Preto, já que os primeiros assentamentos do sítio de Vila Rica ocorreram nas margens dos dois principais arraiais que deram origem a cidade: Antônio Dias e Pilar de Ouro Preto.

Bora conhecer algumas historias do bairro Antônio Dias.
Continue lendo “Ouro Preto (MG): Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias – Parte III: O Arraial de Antônio Dias e as Ruinas do Palácio Velho”