Teatro Municipal de Ouro Preto – Parte I: A Casa da Ópera

Barroco_Casa da Ópera_Patrimônio Cultural _Humanidade_Unesco_Restauração_Estrada Real_Minas Gerais_Brasil

A Casa da Ópera de Vila Rica, é o Teatro Municipal de Ouro Preto, que ostenta, segundo a tradição, o título de mais antiga casa de espetáculos em funcionamento da América do Sul e entrou até para o Guinness Book devido a essa condição.

Preserva a construção original, que demorou de 1745 a 1770 para ficar pronta. A simples fachada externa esconde o interior que remete aos tempos glamorosos do império, quando Ouro Preto era chamada de Vila Rica e o Brasil ainda era colônia de Portugal.

A casa de espetáculo traz também no seu histórico o fato de ter sido o primeiro teatro onde mulheres pisaram em um palco no Brasil. Continue lendo “Teatro Municipal de Ouro Preto – Parte I: A Casa da Ópera”

CASA da BARONESA – Parte I: A nobreza do Brasil Imperial na antiga Vila Rica de Ouro Preto

Manoel Teixeira de Souza_Barão de Camargos_viscondessa de Camargos_Praça Tiradentes_Minas Gerais_Estada Real_Unesco_Patrimônio_Museu_Maria Leonor Felícia da Rosa_Brasil

A Casa da Baronesa está localizada na Praça Tiradentes, no centro da cidade.  A casa foi a residência de uma das mais ilustres famílias que se instalaram em Vila Rica: a família de Manoel Teixeira de Souza (Barão de Camargos) e Maria Leonor Felícia da Rosa (Viscondessa de Camargos).

Foi doada à união em 1941. Atualmente é sede do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) em Ouro Preto. Continue lendo “CASA da BARONESA – Parte I: A nobreza do Brasil Imperial na antiga Vila Rica de Ouro Preto”

Bares Notables de Buenos Aires: O Bairro de Almagro

Almagro é como um dos mais tradicionais da cidade e intimamente relacionados ao tango e aos cafés típicos de Buenos Aires. Muitos dos grandes nomes do tango circulavam por suas ruas e bares, e tem o privilégio de ser o primeiro palco que Carlos Gardel ouviu cantando em um bar localizado na Avenida Rivadavia 3824. Também neste bairro se encontra a Casa Salesiana Pío IX onde ele estudou.

Devido à proximidade do bairro de Almagro com o vizinho Mercado do Abasto, o cantor Carlos Gardel era um visitante frequente de seus bares. Em 1930, gravou um tango chamado Almagro, com letra de Iván Diez e música de Vicente San Lorenzo. Continue lendo “Bares Notables de Buenos Aires: O Bairro de Almagro”

Bares Notables no Microcentro da cidade de Buenos Aires

Os Cafés Notáveis são lugares de relevância para a cidade, por sua história, arquitetura ou importância para o bairro, e formam parte do patrimônio histórico da cidade.

O bairro de San Nicolás sempre cresceu e o ano de 1908 foi um ano de opulência, o Teatro Colón, a Plaza Lavalle e o Palácio dos Tribunais foram inaugurados. Corrientes sempre foi uma  rua de lojas, cafés, confeitarias de reuniões e orquestras típicas, livrarias e teatros famosos. Foi o caso do Teatro Politeama Argentino, onde José Podestá fez uma grande performance de Juan Moreira em 1884 e Sara Bernhart fez Fedra em 1886.

Em 1822, aquela rua foi chamada Corrientes, em homenagem ao papel de liderança que esta província teve nas guerras de independência, e foi-lhe atribuída uma largura de 30 metros virando assim a avenida cultural por excelência de Buenos Aires. Continue lendo “Bares Notables no Microcentro da cidade de Buenos Aires”

BARES NOTABLES: A tradição da comida espanhola em Buenos Aires

Em 1998, o Legislativo da Cidade de Buenos Aires criou a Comissão de Proteção e Promoção de Cafés, Bares, Bilhares e Confeitarias da Cidade de Buenos Aires, dedicada a nomear como notáveis ​​os bares, bilhares ou confeitos relacionados a eventos ou atividades culturais significativas; bem como aqueles cuja antiguidade, projeto arquitetônico ou relevância local lhe conferem valor próprio.

Estamos perto do Congresso Nacional, percorrendo a famosa Av. de Maio no bairro de Monserrat, uma zona que destaca-se  pelo grande número de restaurantes que oferecem comida espanhola tradicional. Continue lendo “BARES NOTABLES: A tradição da comida espanhola em Buenos Aires”

El Beso: O Tango e Milongas de Buenos Aires

Argentina_tanguería_show_turismo_tango_Unesco_Balvanera_ _bairro_barrio_patrimonio_bares notáveis_milonga gay_Marshall_ Riobamba

O tango é algo tão valorizado, e não somente na Argentina, que foi declarado até mesmo Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade em 2009, pela Unesco.

Para animar você a arriscar uns passos na pista de baile é preciso conhecer os códigos que caracterizam as Milongas de Buenos Aires. Diferentes salões antigos, cafés ou clubes de bairro abrigam todas as noites uma milonga nas quais todos podem percorrer a pista girando em sentido contrário às agulhas do relógio. Muitas ministram aulas, ao encargo de docentes especializados, antes do baile, para novatos e iniciados, grupais ou individuais.

El Beso é uma das milongas mais elegantes de Buenos Aires, caracterizada pela mistura rococó e pop na sua decoração, um ambiente de culto e tradição. Esta localizada num primeiro andar na esquina da Av. Corrientes e a Rua Riobamba, no bairro de Balvanera, um bairro que respira e dança tango na agitada noite portenha.

Continue lendo “El Beso: O Tango e Milongas de Buenos Aires”

Cartagena corre o risco de ser expulsa da lista de Patrimônio da Humanidade da UNESCO

A cidade de Cartagena das Índias, na Colômbia, corre o risco de ser expulsa da lista de patrimônio histórico e cultural da humanidade da UNESCO devido a construção do polêmico projeto habitacional de 4 torres Aquarela, que mudaria para sempre a paisagem tombada do entorno do centro histórico e da fortaleza de San Felipe.

A cidade tem até dezembro de 2020 para apresentar uma solução para o caso. Ou poderá perder o título de Patrimônio da Humanidade, que ostenta desde 1984. Continue lendo “Cartagena corre o risco de ser expulsa da lista de Patrimônio da Humanidade da UNESCO”