Café MARGOT: Um típico café de Buenos Aires, num bairro que é sinónimo de Tango: o BOEDO

Argentina_tanguería_show_turismo_tango_Unesco_Boedo_bairro_barrio_patrimonio_bares notáveis_Trianón_Pavita

Buenos Aires tem cafés e bares que foram cenários de atividades culturais significativas e que, por antiguidade, arquitetura ou relevância local, são declarados Cafés Notáveis e fazem parte oficialmente do Patrimônio Cultural da Cidade.

No bairro Boedo, na esquina da Avenida Boedo e a antiga passagem Camio (hoje felizmente leva o nome de meu santo, San Ignacio), encontra-se um tradicional edifício construído no principio do século XX pelo genovês Lorenzo Berisso. Em uma parte do térreo funciona desde 1993 o Café Margot, um lugar destacado e muito frequentado pelos turistas. Continue lendo “Café MARGOT: Um típico café de Buenos Aires, num bairro que é sinónimo de Tango: o BOEDO”

Museu de Arte Moderno Buenos Aires – Parte I: A antiga Fabrica de Cigarros que virou museu no bairro de San Telmo

Argentina_Nobleza_Picardo_Patrimônio_Arquitetura_Polo Cultural Sur_Cultura_San Telmo_Ambasz_Casa del Naranjo

O MAMBA foi fundado em 1956 pelo poeta e crítico de arte Rafael Squirru, que o considerava um espaço de vanguarda para artes plásticas, fotografia e design. Nos primeiros anos trabalhou em várias locações da cidade de Buenos Aires, até sua chegada ao Teatro General San Martín, no início dos anos 1960.

Em 1986, ele foi premiado com sua atual sede no bairro de San Telmo, uma antiga fabrica de cigarros. Em 1997 surgiu a necessidade de ampliação para acolher a imenso acervo de; Fotografia, Design Industrial, Design Gráfico, Pintura, Esculturas, com mais de sete mil obras que cobrem a arte argentina desde a década de 1920 até os dias atuais.

As obras de remodelação começaram em 2005 e o museu permaneceu fechado ate 2010, quando as obras de integração ao prédio vizinho resultaram em uma fachada verde com inserção de vegetação nos diferentes níveis das três fachadas do edifício. Em 2018 finalizou a terceira fase, com a incorporação de duas novas salas, auditório e um elevador monta-cargas que permite aceder ao subsolo e movimentar as coleções que conformam sua amplia carteira de obras. Continue lendo “Museu de Arte Moderno Buenos Aires – Parte I: A antiga Fabrica de Cigarros que virou museu no bairro de San Telmo”

MUSEU ZANJÓN de GRANADOS: A cidade de Buenos Aires e seus rios – Parte II

Patrimônio_Argentina_Arquitetura_Casa_Conventillo_Defensa_Arqueología_pluviais_ Jorge Eckstein_Schávelzon

Em 1985, Jorge Eckstein, antigo morador do tradicional bairro de San Telmo, em Buenos Aires, comprou a casa abandonada na vizinhança, a qual pretendia transformar num local cultural e gastronómico. Pouco tempo depois de começar a obra, ele descobriu, por acaso, o que se tornaria um dos sítios arqueológicos mais importantes da cidade.

Uma equipe de arqueólogos analisou a fundação do casarão para entender melhor sua história. Sob a casa descobriram uma construção arqueada diferente, que escavações posteriores acabaram revelando ser a cobertura de um túnel subterrâneo. A investigação revelou que a antiga mansão se encontrava em cima de um intrincado sistema de drenagem.

O processo total demorou quase 20 anos para finalmente mudar o velho casearão no atual museu. A iniciativa do desenvolvimento foi privada a cargo do próprio Eckstein, inaugurado em 2003.

Durante o passeio pela casa e nos túneis, a guia (inglês/espanhol) se encarrega de transportar os visitantes ao passado, contando uma interessante história capaz de nos manter intrigados durante todo o percurso. Continue lendo “MUSEU ZANJÓN de GRANADOS: A cidade de Buenos Aires e seus rios – Parte II”

MUSEU ZANJÓN de GRANADOS: A cidade de Buenos Aires e seus rios – Parte I

Os túneis encontrados sob esta antiga casa no bairro de San Telmo não têm nada a ver com os túneis misteriosos da “Manzana de las Luces“, atribuídos a rotas de fuga ou contrabando, uma atividade recorrente nos primeiros tempos da colônia.

A maior parte do sistema de drenagem original de Buenos Aires estava conformado por vários arroyos (riachos/córregos) e foram substituídos por dutos canalizados, enterrados e cobertos. Seu traçado original pode ser descoberto na estrutura em zigue-zague de muitas ruas portenhas.

Este é o caso de dois túneis do Zanjón de Granados que foram descobertos no coração do bairro de San Telmo.

Para falar sobre o Museu Zanjón de Granados, achei que era preciso relatar em primeiro lugar a conformação do sistema pluvial da cidade de Buenos Aires. Para isso vamos falar da bacia do Arroyo Maldonado que nasce nos bairros de Tres de Febrero, La Matanza e Morón. Ela uma das maiores e mais importantes bacias da cidade, uma vez que atravessa todo o centro, de oeste para leste. Continue lendo “MUSEU ZANJÓN de GRANADOS: A cidade de Buenos Aires e seus rios – Parte I”