Iluminação Comercial: Apple Michigan Avenue

A loja foi criada através de uma colaboração única entre a Cidade de Chicago, a Foster + Partners e a Apple. Cercada por obras arquitetônicas famosas de nomes como Mies van der Rohe, Jeanne Gang, SOM e Bertrand Goldberg, entre muitas outras, cada detalhe desta nova estrutura foi projetado para integrar o edifício, rio e cidade.

A nova loja fica no topo de uma nova e ampla escadaria pública de granito, criada para descer da praça até o rio. A suave descida de níveis cria espaços ativos onde as pessoas podem se conectar, criar e experimentar a cidade e o rio juntos.

Norman Foster projetou sua “mais ambiciosa” loja da Apple para Chicago com enormes paredes de vidro e um telhado fino que parece uma versão ampliada do famoso laptop da empresa.

Download

Hoje, com 250 funcionários e dezenas de milhares de visitantes por dia, a loja oferece u novo ícone arquitetônico: uma calorosa recepção a uma cidade que tem um grande olhar para o design.

A construção do edifício conta com apenas quatro colunas estruturais e um gabinete de vidro que remove as fronteiras entre o interior e o exterior permitindo uma visual limpa e transparente desde a Praça Pioneer Court até a orla do Rio Chicago.

O estudo Foster + Partners, completou uma série de projetos para o gigante da tecnologia, incluindo lojas em Londres, Dubai, Cingapura e o “Apple Park”: a grande sede da marca em Cupertino, Califórnia.

O plano circular do edifício principal fez com que ele fosse popularmente conhecido como “Nave Espacial”. Construir este campus foi um dos últimos desejos do co-fundador da Apple, Steve Jobs.

O projeto sofreu vários atrasos e custos excedentes que aumentaram seu custo final para cerca de US $ 5 bilhões transformando-se atualmente no o edifício mais caro dos Estados Unidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *